Blogue conjunto do PCP e do PEV Lumiar. Participar é obrigatório! Vê também o sítio www.cdulumiar.no.sapo.pt

.Temas

. cml(388)

. governo(157)

. telheiras(157)

. cdu(146)

. lumiar(133)

. eleições autárquicas(131)

. urbanismo(117)

. pcp(101)

. alta do lumiar(97)

. partidos políticos(96)

. segurança(94)

. orçamento(93)

. carnide(84)

. pev(83)

. trabalho(83)

. desemprego(77)

. saúde(76)

. trânsito(74)

. sindicatos(70)

. economia(68)

. todas as tags

.Pesquisar neste blogue

 

.Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
18
19
23
24
29
30
31

.Artigos recentes

. Gestão incompetente, estr...

. A comunicação social é um...

. Apontamentos insuficiente...

. Notas sobre a sessão de c...

. Cínicos e desprezíveis

. Assembleia da ´República ...

. 26 Março - Manifestação N...

. Festa do AVANTE promove «...

. Ensino Profissional em Po...

. O movimento associativo p...

. Realizou-se a Assembleia ...

. Que política é esta?

. Orçamento do Estado para ...

. 13 Março - Assembleia da ...

. Acção Nacional dia 16 – “...

. 18 Março - Inauguração da...

. CML - Segunda Circular e ...

. 100 anos, 100 acções do P...

. Um grande Comício no Aniv...

. Câmara de Lisboa: Grandes...

. Taxas na Cidade de Lisboa...

. ...

. Lutar: A resposta dos tra...

. Obras na escola pré-fabri...

. CT Lumiar - Almoço comemo...

. PCP contacta trabalhadore...

. 6 Março - Comicio Anivers...

. REÚNE EM ÉVORA O PRÓXIMO ...

. CML - Orçamento participa...

. PCP apresenta na Assemble...

. Requerimento sobre o Bair...

. O TRATADO DO GRANDE CAPIT...

. Injustiça nas leis, (in)j...

. Medidas do Governo são in...

. Desemprego e Pensões a re...

. LINHAS DE ALTA TENSÃO - O...

. HOJE NO COLISEU - A homen...

. PCP: Em defesa da Saúde p...

. 27 Novembro, O Capital Re...

. 4 Dezembro - Homenagem a ...

. 25 Novembro, Debate promo...

. A RESPOSTA NECESSÁRIA E I...

. PCP quer reduzir desigual...

. O salto à Vara

. Aumento do Salário Mínimo...

. Dívidas à Segurança Socia...

. Combate à corrupção em di...

. Associação Iúri Gagárin p...

. Despedimentos e encerrame...

. O Sr. Governador

.Arquivos

. Março 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

.Ligações

Quarta-feira, 28 de Fevereiro de 2007

Proibida a entrada !

Onde, onde? Na pista municipal de atletismo prof. Moniz Pereira, recém inaugurada na Alta de Lisboa, no passado dia 15, na presença do actual e anterior Presidentes da República, do chefe do executivo camarário e respectivos vereadores, entre outras individualidades.

Não pode ser! Não haverá qualquer engano? Então acabou de ser ‘inaugurada’ e já encerrou? De facto, a placa à entrada avisa: “Proibida a entrada a pessoas estranhas à obra” ! Mas qual obra? Será já para obras de ‘restauro’?

Não ! Trata-se apenas de mais um equipamento inacabado. Ou, por outras palavras, de mais uma trapalhada à altura dos executivos camarários lisboetas dos últimos cinco anos. De facto, houve mais uma sessão de corta-fitas, mas o equipamento vai continuar em obras durante mais... seis meses.

“Construída em frente ao Parque Oeste, no Alto do Lumiar, a pista com que Lisboa e o país homenagearam o carismático treinador de atletismo - Mário Moniz Pereira - não tem portaria, vestiários/balneários, os acessos não estão em condições de utilização e a zona envolvente à pista encontra-se num estado caótico”. E segundo o vereador do desporto, "já estão instaladas na pista cabines provisórias, a funcionar em contentores” e "a pista pode começar a ser utilizada. Claro que não há duchinho de água quente no final".

Mas as críticas ao equipamento não se ficam por aquilo que ainda não existe. Entidades ligadas ao mundo do desporto consideram que o "piso da pista é muito macio não permitindo competições para grandes velocidades" e que as bancadas de cimento se situam numa curva e não numa recta como deveria acontecer". Acresce a localização do equipamento - a poucos metros do Eixo Norte-Sul - o que não será "propício à prática desportiva que se deseja para o local".

Até estão previstos um restaurante, SPA e pista de ski, embora para já não possa ser utilizada para a prática desportiva. E tudo porque a envolvente do equipamento desportivo inaugurado a semana passada está em estado caótico. Mas lá que a ‘fitinha’ já foi cortada...

Pista de atletismo aberta sem balneários nem acessos por Ana Fonseca, ver os URLs http://jn.sapo.pt/2007/02/28/sul/pista_atletismo_abertasem_balnearios.html e www.rtp.pt/index.php?article=272444&visual=16&rss=0

publicado por Sobreda às 19:46
Link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos

.Participar

. Participe neste blogue