Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CDU LUMIAR

Blogue conjunto do PCP e do PEV Lumiar. Participar é obrigatório! Vê também o sítio www.cdulumiar.no.sapo.pt

CDU LUMIAR

Blogue conjunto do PCP e do PEV Lumiar. Participar é obrigatório! Vê também o sítio www.cdulumiar.no.sapo.pt

Entre a agência bancária e o banco hospitalar

Sobreda, 25.05.08
Fonte oficial da PSP confirmou que um cliente de uma agência bancária de Telheiras formalizara uma queixa contra o presidente e o motorista de um clube de Lisboa, o primeiro por o ter insultado e o segundo por o ter agredido com “socos e pontapés”.
Os clientes, que estavam na 2ª fª, cerca das 15h, na agência bancária, assistiram, atónitos, a uma agressão praticada pelo motorista, incitado pelo próprio presidente do referido clube de Lisboa.
O cliente conta que naquela tarde ia “fazer um depósito” no banco e aguardava na fila, quando se apercebeu que uma viatura buzinava com insistência no exterior. Era o seu carro que estava mal estacionado e a bloquear a passagem. Saiu, retirou o carro, mas os ânimos não acalmaram: “O motorista insultou-me de todas as formas e depois (o presidente) abriu o vidro e continuou”.
Um comentário proferido parece ter sido a gota de água. O presidente e o motorista, acusa o cliente, foram atrás dele até ao interior da agência e o que seguiu foi uma cena de pancadaria. “O (presidente) põe-me a mão no ombro, começa aos gritos e o motorista desata a agredir-me que nem um louco. A cada soco eu caía no chão”, acusa o cliente, que foi auxiliado pelas pessoas que estavam na agência. “Todos tentaram ajudar e impedir o pior”.
Não é a primeira vez que o presidente desse clube é protagonista de casos desta natureza. Quando a Polícia chegou ao local já os agressores tinham saído, mas as câmaras de videovigilância registaram a cena e a PSP vai agora visionar as cassetes. Três funcionários da agência bancária estão indicados como testemunhas do caso.
No fim, o cliente teve de se dirigir para outro banco - o do Hospital de Santa Maria -, onde recebeu tratamento, tendo o relatório das lesões sido anexado à queixa: “Estou cheio de hematomas na cabeça”, desabafou 1.
O cliente da agência de Telheiras conta ainda que os seus advogados contactaram “pessoas próximas” do presidente para “sondar” um acordo. “Propuseram 2500 euros e um pedido de desculpas privado. Mas não é dinheiro que quero. Quero sim, um pedido de desculpas público, porque isto não se faz!”, adiantou 2.
 

1. Ver http://sol.sapo.pt/PaginaInicial/Desporto/Interior.aspx?content_id=93596

2. Ver http://diario.iol.pt/sociedade/iol-cgd-vieira-ultimas-noticias-agressoes-benfica/953193-4071.html

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.