Blogue conjunto do PCP e do PEV Lumiar. Participar é obrigatório! Vê também o sítio www.cdulumiar.no.sapo.pt

.Temas

. cml(388)

. governo(157)

. telheiras(157)

. cdu(146)

. lumiar(133)

. eleições autárquicas(131)

. urbanismo(117)

. pcp(101)

. alta do lumiar(97)

. partidos políticos(96)

. segurança(94)

. orçamento(93)

. carnide(84)

. pev(83)

. trabalho(83)

. desemprego(77)

. saúde(76)

. trânsito(74)

. sindicatos(70)

. economia(68)

. todas as tags

.Pesquisar neste blogue

 

.Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
18
19
23
24
29
30
31

.Artigos recentes

. Gestão incompetente, estr...

. A comunicação social é um...

. Apontamentos insuficiente...

. Notas sobre a sessão de c...

. Cínicos e desprezíveis

. Assembleia da ´República ...

. 26 Março - Manifestação N...

. Festa do AVANTE promove «...

. Ensino Profissional em Po...

. O movimento associativo p...

. Realizou-se a Assembleia ...

. Que política é esta?

. Orçamento do Estado para ...

. 13 Março - Assembleia da ...

. Acção Nacional dia 16 – “...

. 18 Março - Inauguração da...

. CML - Segunda Circular e ...

. 100 anos, 100 acções do P...

. Um grande Comício no Aniv...

. Câmara de Lisboa: Grandes...

. Taxas na Cidade de Lisboa...

. ...

. Lutar: A resposta dos tra...

. Obras na escola pré-fabri...

. CT Lumiar - Almoço comemo...

. PCP contacta trabalhadore...

. 6 Março - Comicio Anivers...

. REÚNE EM ÉVORA O PRÓXIMO ...

. CML - Orçamento participa...

. PCP apresenta na Assemble...

. Requerimento sobre o Bair...

. O TRATADO DO GRANDE CAPIT...

. Injustiça nas leis, (in)j...

. Medidas do Governo são in...

. Desemprego e Pensões a re...

. LINHAS DE ALTA TENSÃO - O...

. HOJE NO COLISEU - A homen...

. PCP: Em defesa da Saúde p...

. 27 Novembro, O Capital Re...

. 4 Dezembro - Homenagem a ...

. 25 Novembro, Debate promo...

. A RESPOSTA NECESSÁRIA E I...

. PCP quer reduzir desigual...

. O salto à Vara

. Aumento do Salário Mínimo...

. Dívidas à Segurança Socia...

. Combate à corrupção em di...

. Associação Iúri Gagárin p...

. Despedimentos e encerrame...

. O Sr. Governador

.Arquivos

. Março 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

.Ligações

Domingo, 9 de Novembro de 2008

Pacientes entregues a si próprios

No entanto, o País está perante “o aumento enorme de doentes a precisar de cuidados paliativos” e os serviços de saúde têm levado a que o atendimento a alguns doentes estejam a ser recusados. É que, em muitos casos, “a capacidade está esgotada em termos de internamento”. Muitas vezes, quando voltam a ter lugares, “o doente morreu, ou já não [se consegue] contactar”. 

São os próprios profissionais quem critica os casos de “obstinação terapêutica e abandono” em que se encontram os doentes. “A continuidade de cuidados é obrigatória”. Mas as Unidades de Saúde estão a recusar doentes incuráveis por falta de camas. Alguns profissionais de saúde referem que há clínicos que “estão preparados apenas para curar e não percebem as necessidades evidentes destes doentes e familiares”.
Só este ano, numa unidade hospitalar morreram no serviço 100 doentes. Desde a sua criação, em 1992, morreram 1200, a que se juntam outros 100 que estavam a ser seguidos por apoio domiciliário.
A situação é de tal modo grave que o número de camas existentes apenas cobre 10% das necessidades: existem 80 quando seriam precisas 800.
 

Ler artigo completo IN http://jornal.publico.clix.pt/default.asp?url=%2Fmain%2Easp%3Fdt%3D20081109%26page%3D12%26c%3DA

 

Temas:
publicado por Sobreda às 12:32
Link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
1 comentário:
De Viktor a 11 de Novembro de 2008 às 17:26
Este país vai de mal a pior.
Como Mestre e Terapeuta de Reiki já propus a prestacção de serviços no âmbito de pessoas idosas. Tal não foi aceite dizendo que era subjectivo, mas tal não é o meu espanto quando mais tarde venho a saber que alguém agarrou no meu projecto e o adaptou para Yoga.
Acham que pessoas com dificuldades motoras ou até mesmo em cadeira de rodas fazem Yoga? ALguém alguma vez ouviu dizer que através do Yoga uma pessoa foi curada?
Pois é, propor serviços para o bem comum de uma sociedade ainda é uma coisa errada para muita gente que, enfim, nem vou comentar.
Saudações Reikianas
NAMASTÊ

Comentar artigo

.Participar

. Participe neste blogue