Blogue conjunto do PCP e do PEV Lumiar. Participar é obrigatório! Vê também o sítio www.cdulumiar.no.sapo.pt

.Temas

. cml(388)

. governo(157)

. telheiras(157)

. cdu(146)

. lumiar(133)

. eleições autárquicas(131)

. urbanismo(117)

. pcp(101)

. alta do lumiar(97)

. partidos políticos(96)

. segurança(94)

. orçamento(93)

. carnide(84)

. pev(83)

. trabalho(83)

. desemprego(77)

. saúde(76)

. trânsito(74)

. sindicatos(70)

. economia(68)

. todas as tags

.Pesquisar neste blogue

 

.Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
18
19
23
24
29
30
31

.Artigos recentes

. Gestão incompetente, estr...

. A comunicação social é um...

. Apontamentos insuficiente...

. Notas sobre a sessão de c...

. Cínicos e desprezíveis

. Assembleia da ´República ...

. 26 Março - Manifestação N...

. Festa do AVANTE promove «...

. Ensino Profissional em Po...

. O movimento associativo p...

. Realizou-se a Assembleia ...

. Que política é esta?

. Orçamento do Estado para ...

. 13 Março - Assembleia da ...

. Acção Nacional dia 16 – “...

. 18 Março - Inauguração da...

. CML - Segunda Circular e ...

. 100 anos, 100 acções do P...

. Um grande Comício no Aniv...

. Câmara de Lisboa: Grandes...

. Taxas na Cidade de Lisboa...

. ...

. Lutar: A resposta dos tra...

. Obras na escola pré-fabri...

. CT Lumiar - Almoço comemo...

. PCP contacta trabalhadore...

. 6 Março - Comicio Anivers...

. REÚNE EM ÉVORA O PRÓXIMO ...

. CML - Orçamento participa...

. PCP apresenta na Assemble...

. Requerimento sobre o Bair...

. O TRATADO DO GRANDE CAPIT...

. Injustiça nas leis, (in)j...

. Medidas do Governo são in...

. Desemprego e Pensões a re...

. LINHAS DE ALTA TENSÃO - O...

. HOJE NO COLISEU - A homen...

. PCP: Em defesa da Saúde p...

. 27 Novembro, O Capital Re...

. 4 Dezembro - Homenagem a ...

. 25 Novembro, Debate promo...

. A RESPOSTA NECESSÁRIA E I...

. PCP quer reduzir desigual...

. O salto à Vara

. Aumento do Salário Mínimo...

. Dívidas à Segurança Socia...

. Combate à corrupção em di...

. Associação Iúri Gagárin p...

. Despedimentos e encerrame...

. O Sr. Governador

.Arquivos

. Março 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

.Ligações

Quarta-feira, 16 de Maio de 2007

Trancas à porta

O assalto numa madrugada no início do mês passado a um restaurante em Telheiras reacendeu o medo entre os comerciantes e os moradores da zona. Um ‘gang’ de cinco jovens entre os 15 e os 23 anos entrou no estabelecimento e, sob a ameaça de três ‘shotguns’, obrigou os clientes a sentarem-se no chão, roubando carteiras, telemóveis e blusões de pele.

Este é apenas mais um acidente, alertam os lojistas, que escondem a cara e o nome com medo de serem as próximas vítimas. Mais do que isso, trancaram as portas das suas lojas e só as abrem quando sabem quem é que está do outro lado.

Num cabeleireiro na Praceta dos Inglesinhos, as duas funcionárias trabalham com a chave na fechadura para se protegerem dos roubos. Esta nova política foi adoptada há quase um ano, quando a loja foi assaltada por dois jovens. “Os rapazes entraram e encostaram-me uma arma ao peito”, conta uma das empregadas. Fecharam-na no gabinete, juntamente com três clientes, e roubaram carteiras, telemóveis e documentos. Desde essa altura nunca mais voltou a abrir a porta e foi por detrás dos vidros que testemunhou mais um assalto a um morador da praceta: “Ao início da tarde do passado sábado, um grupo de rapazes cercou um miúdo e encostou-lhe uma faca ao pescoço, levando-lhe a carteira e o telemóvel”.

E tudo isto acontece apesar de a polícia patrulhar o bairro várias vezes ao dia: “Já trabalhei dois anos na Pontinha e morei outros seis na Brandoa. Nunca tive tantos problemas como agora”, desabafa a esteticista.

Só é possível entrar na loja de artigos desportivos da zona sul de Telheiras depois de se bater nos vidros para chamar a atenção da funcionária. Este estabelecimento já foi assaltado duas vezes no final do ano passado e os proprietários não querem correr mais riscos, porque “das duas vezes trancaram as minhas colegas no armazém e levaram tudo o que apanharam à mão”, conta uma das empregadas.

Numa outra loja, esta para animais nas imediações da Clínica Psiquiátrica de São José, também só é possível entrar após se tocar à campainha. Em ambas o novo procedimento parece resultar, porque desde Setembro de 2006 não houve “mais problemas”. Já o mesmo não acontece fora de portas: “Já tive clientes que me contaram terem sido assaltadas ao sair do seu prédio e ao entrar na estação do Metro”. A funcionária está convencida de que Telheiras é um dos alvos preferidos dos ladrões por ser uma zona onde o nível de vida é elevado.

Uma papelaria no Alto da Faia queixa-se de ter sido também assaltada no ano passado. Uma outra, próximo da Rua Pires Jorge, é dos poucos estabelecimentos que mantém a porta aberta em horário de expediente. Embora tenha sido assaltada por duas vezes, em Junho e em Outubro, o proprietário recusa “render-se” ao medo: “Nos primeiros meses pensei em fechar a loja, mas depois percebi que posso ser assaltado aqui ou em qualquer lado”.

A 19ª esquadra da P.S.P. de Telheiras reportou à A.R.T. que só em 2006 recebeu cerca de dois milhares de denúncias de assaltos e 90 detenções, dos quais 30 ficaram em prisão preventiva. Com todo este cenário como poderá estar previsto o encerramento desta esquadra?

1. Ver “Lojistas trancam a porta para evitar roubos” por Kátia Catulo, DNotícias, 2007-04-05

publicado por Sobreda às 00:02
Link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos

.Participar

. Participe neste blogue