Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CDU LUMIAR

Blogue conjunto do PCP e do PEV Lumiar. Participar é obrigatório! Vê também o sítio www.cdulumiar.no.sapo.pt

CDU LUMIAR

Blogue conjunto do PCP e do PEV Lumiar. Participar é obrigatório! Vê também o sítio www.cdulumiar.no.sapo.pt

Em contramão pela Segunda Circular

Sobreda, 10.04.09

A grande confusão instalou-se ao início da madrugada de ontem, na Segunda Circular, com uma perseguição policial que levou os fugitivos a inverterem a marcha e a seguir em contramão.

Uma testemunha que circulava naquela via contou que “aquilo foi um perigo. Tivemos de nos desviar e parar para o nosso carro não ser atingido. Os outros carros também se desviaram para os deixar passar”.
Para a PSP, tudo começou com um caso de carjacking, com quatro encapuzados a roubar um carro na Rua Cidade de Benguela, nos Olivais. Pelas 00h20, a viatura roubada foi localizada na Segunda Circular, a transitar no sentido Sul-Norte, perto do Estádio José Alvalade.
Um carro-patrulha da 5ª Divisão da PSP perseguia-os, quando, a determinada altura, por haver trânsito congestionado mais à frente, os fugitivos decidiram fazer inversão de marcha em plena Segunda Circular.
Ainda de acordo com informações prestadas pela mesma fonte policial, o carro-patrulha da PSP teve de se desviar para evitar ser abalroado pela viatura dos fugitivos, mas ainda se registou uma colisão com um veículo civil. Os assaltantes acabaram por conseguir fugir com a viatura roubada 1.
Segundo o Relatório Anual de Segurança Interna para 2008, agora divulgado, só o número de ocorrências participadas, no conjunto da GNR, PSP e PJ, registou um aumento de 7,5% (+29 426 casos) em relação a 2007. A comparação trimestral com 2007 (1º trimestre +4,1%, 2º trimestre +10,3%, 3º trimestre +10,6%, 4º trimestre +4,9%) permite observar uma evolução no último trimestre de 2008.
Diz o MAI que, em relação a 2007, observa-se uma diminuição dos crimes participados à GNR (-1%) e um aumento das ocorrências registadas pela PSP (+15,2%) e pela PJ (+22,7%) e que apesar de o valor global de ocorrências registadas ser o maior da década, é similar ao registado em 2003 (409.509 crimes) e em 2004 (405.605) 2.
Não parece propriamente ser o que se constata nas ruas, pois uma análise mais pormenorizada do Relatório Anual de Segurança Interna revela um aumento geral da criminalidade grave e violenta.