Blogue conjunto do PCP e do PEV Lumiar. Participar é obrigatório! Vê também o sítio www.cdulumiar.no.sapo.pt

.Temas

. cml(388)

. governo(157)

. telheiras(157)

. cdu(146)

. lumiar(133)

. eleições autárquicas(131)

. urbanismo(117)

. pcp(101)

. alta do lumiar(97)

. partidos políticos(96)

. segurança(94)

. orçamento(93)

. carnide(84)

. pev(83)

. trabalho(83)

. desemprego(77)

. saúde(76)

. trânsito(74)

. sindicatos(70)

. economia(68)

. todas as tags

.Pesquisar neste blogue

 

.Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
18
19
23
24
29
30
31

.Artigos recentes

. Gestão incompetente, estr...

. A comunicação social é um...

. Apontamentos insuficiente...

. Notas sobre a sessão de c...

. Cínicos e desprezíveis

. Assembleia da ´República ...

. 26 Março - Manifestação N...

. Festa do AVANTE promove «...

. Ensino Profissional em Po...

. O movimento associativo p...

. Realizou-se a Assembleia ...

. Que política é esta?

. Orçamento do Estado para ...

. 13 Março - Assembleia da ...

. Acção Nacional dia 16 – “...

. 18 Março - Inauguração da...

. CML - Segunda Circular e ...

. 100 anos, 100 acções do P...

. Um grande Comício no Aniv...

. Câmara de Lisboa: Grandes...

. Taxas na Cidade de Lisboa...

. ...

. Lutar: A resposta dos tra...

. Obras na escola pré-fabri...

. CT Lumiar - Almoço comemo...

. PCP contacta trabalhadore...

. 6 Março - Comicio Anivers...

. REÚNE EM ÉVORA O PRÓXIMO ...

. CML - Orçamento participa...

. PCP apresenta na Assemble...

. Requerimento sobre o Bair...

. O TRATADO DO GRANDE CAPIT...

. Injustiça nas leis, (in)j...

. Medidas do Governo são in...

. Desemprego e Pensões a re...

. LINHAS DE ALTA TENSÃO - O...

. HOJE NO COLISEU - A homen...

. PCP: Em defesa da Saúde p...

. 27 Novembro, O Capital Re...

. 4 Dezembro - Homenagem a ...

. 25 Novembro, Debate promo...

. A RESPOSTA NECESSÁRIA E I...

. PCP quer reduzir desigual...

. O salto à Vara

. Aumento do Salário Mínimo...

. Dívidas à Segurança Socia...

. Combate à corrupção em di...

. Associação Iúri Gagárin p...

. Despedimentos e encerrame...

. O Sr. Governador

.Arquivos

. Março 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

.Ligações

Sábado, 11 de Abril de 2009

Muitos que votam PS vão às manifestações contra as medidas do Governo

Extracto de entrevista a Jerónimo de Sousa, secretário-geral do PCP:

 
Que expectativa tem para a manifestação de 23 de Maio, que o PCP convocou. Não teme que seja comparada com os 200 mil que em Maio estiveram na rua pela mão da CGTP?
- Não procuramos fazer comparações. A CGTP tem 700 mil filiados; o PCP 60 mil.
O primeiro-ministro disse que as manifestações são manipuladas pelo PCP.
- Já fiz esta comparação, por muito desagradável que seja: eu era um jovem sindicalista, antes do 25 de Abril, e lembro-me das acusações que se faziam sempre que havia uma luta, uma greve, uma manifestação, proibidas na altura. Vinha sempre esse argumento: quem luta é comunista. É evidente que nos honra muito mobilizarmos…
Quer dizer que agradece a publicidade dada pelo primeiro-ministro?
- Quem participa nessas manifestações, convocadas e organizadas pela CGTP, sabe bem o erro que constitui afirmar que pela Avenida da Liberdade desfilaram 200 mil comunistas ou simpatizantes do PCP. Muitos daqueles homens e mulheres - poderia prová-lo - são pessoas que votaram no PS ou até de outros quadrantes ideológicos. Estavam ali por uma causa funda, em defesa dos seus interesses e direitos concretos. Se o PCP está lá, ainda bem que está. Lamento é que os outros não estejam 1 (…)
E a acentuação de conflitos sociais?
- Não quero fazer a História da Humanidade, mas tendo em conta os meios militares, já não se trata de, aqui ou acolá, provocar um conflito. Hoje, é a Humanidade que está em causa. É um perigo, mas também representa potencialidades. Apesar desta relação de forças desfavorável aos trabalhadores e às forças progressistas, há povos que resistem e até conquistam.
Como reparte as culpas, entre a crise internacional e as políticas do Governo?
- Não somos imunes à crise internacional. Há consequências para o nosso país, mas isso não invalida a necessidade de reconhecer culpas internas, que resultam das políticas praticadas designadamente nos últimos quatro anos. O Governo sacralizou o combate ao défice como o problema dos problemas. Nós tivemos sempre uma concepção diferente. Era um problema, mas a nossa questão de fundo era a necessidade de crescimento económico.
Não reconhece que se não se tivesse atacado o défice, hoje não teríamos esta almofada para ir ajudando os que mais precisam?
- Podia ter-se combatido o défice de outras formas, pela via do crescimento económico, do aumento da receita. As medidas tomadas, designadamente o corte no investimento, levaram à destruição do nosso aparelho produtivo - ou pelo menos a sua desvalorização. Foi quase como manteiga em nariz de cão: baixámos o défice, mas ele está outra vez a disparar. Se passarmos a crise - oxalá passemos! - voltará outra vez a conversa dos sacrifícios em nome do défice. O ministro das Finanças já vem anunciando isso 2 (…)
 
É por tudo isto que “o povo português está profundamente desconfiado, nalguns casos até revoltado” 3.
 
1. Ler http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=1198560
2. Ver http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=1198566
3. Ver http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=1198565
Temas:
publicado por Sobreda às 09:40
Link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos

.Participar

. Participe neste blogue