Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CDU LUMIAR

Blogue conjunto do PCP e do PEV Lumiar. Participar é obrigatório! Vê também o sítio www.cdulumiar.no.sapo.pt

CDU LUMIAR

Blogue conjunto do PCP e do PEV Lumiar. Participar é obrigatório! Vê também o sítio www.cdulumiar.no.sapo.pt

Mais de 80 mil em protesto

Sobreda, 24.05.09

Mais de uma hora após o início da manifestação, e quando os principais dirigentes políticos que encabeçavam a marcha já se encontravam no Marquês de Pombal, ainda muitos manifestantes não tinham começado a andar no Campo Pequeno, preenchendo totalmente as avenidas Fontes Pereira de Melo e da República.

 

 

Foram cerca de 85 mil pessoas que saíram da Praça do Saldanha numa marcha de protesto com destino ao Marquês de Pombal.
A liderar a marcha estiveram os candidatos às eleições europeias na lista da CDU e as principais figuras da Associação Intervenção Democrática, do Partido Ecologista “Os Verdes” e do Partido Comunista Português.
Na frente, rodeada das juventudes partidárias, Ilda Figueiredo empunhava uma faixa onde se lia ‘Nova política - Uma vida melhor!’. Já o secretário-geral do PCP sublinhou que “nunca uma força política realizou uma iniciativa com esta dimensão e esta combatividade”, marcha que “tem um conteúdo que vai para além do conteúdo eleitoral”, em particular no contexto “da crise que vivemos, dos apelos e convites à resignação, ao conformismo e ao desespero”.
O secretário-geral destacou ainda a “componente de luta, de disponibilidade para os combates que aí vêm e que vão ser muitos”, num ano com três actos eleitorais: europeias, legislativas e autárquicas. “A CDU está a crescer. Estamos a construir ainda o resultado. As sondagens que não se precipitem. Deixem o povo votar e depois verão”, reforçou. Intervieram ainda Heloísa Apolónia, pelo PEV, e Corregedor da Fonseca pela ID.
Os manifestantes gritavam palavras de ordem como ‘CDU avança com toda a confiança’, ‘Abril de novo com a força do povo’ ou ‘É preciso dizer basta, esta política já está gasta’. A animação musical esteve a cargo de Samuel e de Maria Basto e a locução de Cândido Mota 1.
Como recentemente desabafou uma ‘líder’ partidária, “ainda bem que já passou o tempo das manifestações políticas”. Só que, infelizmente para ela, neste caso foram ‘só’ mais de 80 mil a extravasarem o seu protesto pelas políticas de direita, ao longo de duas das principais avenidas da capital.